Friday, November 08, 2013

Eu sou o melhor gajo do mundo a jogar ao macaquinho do chinês, mesmo quando jogo contra malta de Alfama (mais difícil de eliminar pela via “Vi-te os dentes”), isto porque consigo intercalar a inércia de um Stephen Hawking com o repentismo de um Jackie Chan, tanto que da última vez que joguei, cada vez que a gaja que estava a apanhar se virava, eu tinha uma nova cagadela de pombo no casaco e mais vinte cêntimos numa lata de salsinhas Nobre usada, que nem sei de onde apareceu, tal o meu nível de imobilidade, e mesmo assim consegui acabar a cena antes que o Chico Gago dissesse “Brócolos” e isto tudo sob o olhar atento do senhor Pires, antigo melhor gajo do mundo a jogar ao macaquinho do chinês, que alegadamente engravidou uma gaja enquanto esta contava até 3 (não há testemunhas, mas há um puto que, com vinte anos, atira fezes ás pessoas e tem um metro e vinte (se isto não é um macaquinho do chinês então não sei (curto bué parêntesis))), tamanha a subtileza e agilidade do homem, só que o Parkinson já lhe escorria pela família e agora, para lhe tirar fotografias como deve ser, só pousando a câmara naquelas máquinas que calcam a calçada, porque se não aparece todo desfocado, tanto que na última fotografia de grupo, pensava que ele era o anjo de guarda de alguém, mas se aquela malta tivesse anjos da guarda, eu teria que numerar os meus ou criar mnemónicas relacionadas com autores russos.

2 Comments:

Blogger donnaganaipa said...

tu podes ser o melhor do mundo em muita coisa, mas estás longe de ser o melhor do mundo a dar presentes, porque esse lugar já está ocupado.

9:23 AM  
Blogger evil mandela said...

Sim, mas sou segundus.

11:25 AM  

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

Links to this post:

Create a Link

<< Home